O Demônio do meio-dia – Andrew Solomon

em

O Demônio do meio-dia – As vezes nos deparamos com um livro que tem uma pegada tão prática e objetiva que muda a forma como encaramos certas situações. O demônio do meio-dia de Andrew Solomon é este tipo de livro. Uma anatomia da depressão.  Apenas aquele que passou, ou passa, por essa doença que sabe como ela pode ser dura. É uma batalha consigo mesmo, e isso inclui aceitar ajuda dos outros, mudar a própria rotina, fazer concessões e privações.

O livro de Andrew Solomon é capaz de deixar essa experiência menos solitária. O próprio autor sofreu por muito tempo com sua depressão e resolveu escrever essa anatomia baseando não apenas nos seus conhecimentos técnicos – Solomon é um psiquiatra respeitado no mundo todo, mas também em suas próprias experiências. Com referências próprias e de autores como Tolstoi, Virginia Woolf, Schopenhauer e outros, Solomon nos mostra a face da depressão e define pro diversos ângulos. Desde a própria nomenclatura e enganos do senso comum até a eficiência e problemática dependência dos remédios. Um livro que é um grande favor para a humanidade é isso que Solomon conseguiu com O demônio do meio-dia.

Em termos  de experiência própria, tive de enfrentar esse grave problema sem o conhecimento desse livro, porém, até mesmo para aqueles que já enfrentaram e aprenderam a conviver com a depressão esse livro é uma grande descoberta e companhia. Para aqueles que tem curiosidade sobre o tema esse é o verdadeiro tratado sobre a depressão, e não deixa dúvidas sobre a capacidade da escrita de Solomon.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s